Se você e sua comunidade desejam resolver o problema de poluição e contaminação das águas de sua bacia hidrográfica, basta procurar o MINISTÉRIO PÚBLICO de sua Comarca e solicitar providências, através de uma "AÇÃO CIVIL PÚBLICA", contra os poluidores. Não tem custo algum e suas gerações futuras vão agradecer muito!

DIA DA TERRA 2014

DIA DA TERRA 2014
O que fizermos para o nosso PLANETA TERRA será sentido e colhido pelos nossos filhos, netos e bisnetos nas próximas décadas. Poderão ser ações destruidoras ou benéficas...lembrem-se que nossas ações serão cobradas ou valorizadas por nossas gerações futuras! <\b>

Seguidores do Blog SOS Rios do Brasil

15 de fevereiro de 2011

OS EVANGÉLICOS E A PRESERVAÇÃO AMBIENTAL - "O HOMEM COMO MORDOMO DA CRIAÇÃO"





A MORDOMIA DA CRIAÇÃO

Os meios de comunicação tem incansavelmente noticiado matérias relacionadas ao desmatamento, à emissão de gases poluentes, pelas fabricas e automóveis, derretimentos das geleiras, e mudanças climáticas assustadoras o que é causa e efeito do aquecimento global, o qual tem sido tema de debates em diversos seguimentos da sociedade.

O Greenpeace (ONG de ecologia), tem destaque mundial com suas manifestações publicas em defesa do planeta. Mas o que a igreja tem a dizer a esse respeito? O que se tem dito em relação ao cuidado com a natureza: plantas, animais e o homem. Nesta lição não nos estenderemos a falarmos sobre a criação no sentido lato da palavra, mas limitar-nos-emos a terra com seus habitantes.

I - DEUS É O CRIADOR DA TERRA (Sl 24:1).

1. Deus é o criador. - “No principio criou Deus [...] a terra”. Esta declaração que está registrada no livro de Gênesis, mostra-nos que Deus idealizou e criou planta e animal, bem como toda espécie de vida. Todas as coisas criadas foram feitas por intermédio de Cristo, Ele é o criador (Jo 1:3).

a) Deu forma - Deus no principio da criação é quem dá forma e preenche o planeta. Neste processo podemos comparar a uma tarefa de um artesão, pois, “a terra era sem forma e vazia” (Gn 1:2). Após a modelagem Deus admira o que fez.

b) Deu nomes - Deu nome à porção seca de terra e o ajuntamento de águas chamou de mar (Gn 1:10). O homem é trazido por Deus para denominar os animais, tendo o homem o direito de participar no processo de formação do planeta com sua biodiversidade (Gn 2:19).

c) Deu Ordenou - Com o poder da palavra ele dá ordem para que: a terra, as águas e o homem produzissem e multiplicassem (Gn 1:11-12). Isto foi uma grande benção de Deus ao homem, bem como a toda criação.

2. Único proprietário de sua criação. - Há um pensamento errôneo que diz: “o mundo jaz no maligno, assim sendo não precisamos cuidar dele”; esta é uma mentira que tem influenciado a muitos cristãos hodiernos. A primeira parte da sentença é verdadeira e bíblica, entretanto o mundo que jaz no maligno (1 Jo 5:19) não é o planeta Terra, com o resto da criação, mas sim o sistema maligno que rege a humanidade. A Terra não pode ser de Deus e do Diabo, portanto Deus é seu único dono (Sl 24:1-2; 1 Co 10:26). A Terra é a Terra de Deus.

3. Todo o que Deus criou é perfeito e bom. - “E viu Deus que era bom”. Um Deus que constrói com o cuidado de avaliar sua criação, não se sentiria contente em ver o fruto do seu trabalho, aquilo que ele julgou ser bom, sendo destruído pela ação do homem ou mesmo como conseqüência do pecado.

A natureza revela Deus, ela não é má, pois tudo o que Deus criou é perfeito e bom, não há maldade na matéria com diz Norman L. Geisler “O mundo físico não é um mal para ser rejeitado; é um bem para ser desfrutado”(). Desfrutar com responsabilidade, não como algo descartável ou que se tira proveitos a exemplo de um máquina que produz e, cessando sua vida útil joga-se no canto.

II – A TERRA FOI DADA AO HOMEM (Sl 115:16)

1. Adão no seu meio ambiente.
a) O que é meio ambiente - Meio ambiente é o lugar e suas condições que propiciam a existência e o desenvolvimento da vida. Assim sendo, meio ambiente não é apenas o lugar onde vivemos, mas um conjunto de fatores que envolvem lugar, condições e vida. Portanto, cuidar do meio ambiente é cuidar da vida.

b) Adão em seu habitat - Já sabemos que a Terra pertence a Deus e ele pode fazer o que quiser com ela. Na criação “plantou o Senhor Deus um jardim” e deu ao homem (o meio ambiente de Adão). O homem foi criado como o mordomo da criação, o maior da casa entre todos os animais.

2. Crescei, multiplicai, enchei a terra. - Deus deu uma ordem ao homem e esta ordem foi obedecida. O homem cresceu, multiplicou-se, encheu a terra, espalhou-se por todos os lugares do planeta. Com a expulsão do Jardim do Éden, Deus não eximiu o homem de sua responsabilidade de cuidar da terra. Ela foi dada ao homem para cuidar e lavrar.

3. Na expressão “domine sobre...” (Gn 1:26). - Domine sobre revela que Deus dotou o homem de autoridade, com responsabilidade sobre a criação. Deus, portanto, passa ao homem a tarefa de manter o ecossistema funcionando perfeitamente. Esse domínio não é opressor ou mesmo destruidor, mas um domínio de mordomo, autoridade e o maior da criação na casa (planeta).

III - O DEVER DE CUIDAR DA TERRA (Gn 2:15 - NVI).

Na condição de Mordomo o homem deve cuidar daquilo que Deus lhe deu. Certamente não poderemos cuidar sozinhos de todo o planeta, mas podemos cuidar do nosso jardim. O lugar onde estamos plantados, nossa cidade, nosso bairro, nossa rua, nossa casa.

1. Desenvolvimento sustentável.
a) Animais - Entendamos desenvolvimento sustentável como a utilização dos recursos naturais para suprir a nossa necessidade sem comprometer a geração futura. O que nossa geração tenta buscar como proteção do meio ambiente através do desenvolvimento sustentável, Deus já prescrevera a nação de Israel. (Dt 22:6-7).

b) Vegetais - Deus faz questão de dizer ao homem que estavam à sua disposição todas as ervas, bem como o fruto de todas as arvores que produzissem semente (Gn 1:29). Isto revela uma preocupação com o mantimento da vida em todos os sentidos, tanto do homem que se alimentaria do fruto das arvores, assim como a preservação da vida das plantas, que futuramente poderiam continuar a existir para alimentá-lo. O que aconteceria se o homem comesse apenas os frutos das arvores que não produzissem semente, será que ainda existiria vida humana?

2. Cuidar do meio ambiente é:

a) Não jogar lixo nas vias públicas;
b) Consumir alimento de fontes renováveis;
c) Não pescar os peixes em época de desova;
d) Cuidar dos rios;
e) Cuidar do ar (reduzindo a emissão de gases poluentes);
f) Reduzindo o consumo de energia elétrica (na utilização e na compra de equipamentos eletroeletrônicos);
g) Participar e incentivar a coleta seletiva;

Não é impossível, nem tampouco difícil cuidarmos do planeta, cada um de nós deve fazer o que nos cabe; pequenos gestos podem ter grande resultados se todos fizerem.

CONCLUSÃO

Somos mordomos de Deus, responsáveis pela manutenção e cuidado da terra com toda a espécie de vida. Não somos donos da terra; ela pertence a Deus e ele nos deu para morarmos e cuidarmos enquanto aqui estivermos.

A responsabilidade de cuidar do meio ambiente vai mais além do que uma simples responsabilidade social, como a preocupação com as gerações futuras; há também implicações espirituais. Deus irá requerer de nossas mãos tudo o que ele nos deu para administrarmos.

[1] Geisler, Norman L. Ética Cristã, São Paulo, Vida nova, 1999, p. 213

Fonte: Site ieabcf - igreja avivamento bíblico

LEIA MAIS:


Mordomia da terra - Vida e Meio Ambiente - Clique


BLOG SOS RIOS DO BRASIL
ÁGUA - QUEM PENSA, CUIDA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo e deixe aqui seus comentários, idéias, sugestões, propostas e notícias de ações em defesa dos rios, que vc tomou conhecimento.
Seu comentário é muito importante para nosso trabalho!
Querendo uma resposta pessoal, deixe seu e-mail.

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Portanto, não serão publicados comentários que firam a lei e a ética.

Por ser muito antigo, o quadro de comentários do blog ainda apresenta a opção comentar anônimo; mas, com a mudança na legislação,

....... NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS....

COMENTÁRIOS ANÔNIMOS, geralmente de incompetentes e covardes, que só querem destruir o trabalho em benefício das comunidades FICAM PROIBIDOS NESTE BLOG.
No "COMENTAR COMO" clique no Nome/URL e coloque seu nome e cidade de origem. Obrigado
AJUDE A SALVAR OS NOSSOS RIOS E MARES!!!

E-mail: sosriosdobrasil@yahoo.com.br