Se você e sua comunidade desejam resolver o problema de poluição e contaminação das águas de sua bacia hidrográfica, basta procurar o MINISTÉRIO PÚBLICO de sua Comarca e solicitar providências, através de uma "AÇÃO CIVIL PÚBLICA", contra os poluidores. Não tem custo algum e suas gerações futuras vão agradecer muito!

DIA DA TERRA 2014

DIA DA TERRA 2014
O que fizermos para o nosso PLANETA TERRA será sentido e colhido pelos nossos filhos, netos e bisnetos nas próximas décadas. Poderão ser ações destruidoras ou benéficas...lembrem-se que nossas ações serão cobradas ou valorizadas por nossas gerações futuras! <\b>

Seguidores do Blog SOS Rios do Brasil

16 de fevereiro de 2011

SÃO PAULO TEM 60 PONTOS DE ALAGAMENTOS, AEROPORTO FECHADO, QUEDA DE ÁRVORES E FALTA DE ENERGIA COM AS FORTES CHUVAS




Motoristas abandonam os carros em grande ponto de alagamento nas duas pistas da avenida 23 de Maio, na região do Ibirapuera - Moacyr Lopes Junior/Folhapress


16/02/2011 - 18 H




Chuva em SP fecha aeroporto e provoca mais de 

60 alagamentos




DE SÃO PAULO

A chuva que atinge a cidade de São Paulo na tarde desta quarta-feira provoca alagamentos, granizo, deixa pessoas ilhadas e prejudica voos. Um raio atingiu a rede de trens e prejudica a circulação.

Veja imagens da chuva em SP
Árvore cai sobre casas na zona leste de SP

De acordo com a Infraero (estatal que administra os aeroportos), o aeroporto de Congonhas, na zona sul, está fechado para pousos e decolagens desde às 16h12.
Toda a cidade foi colocada em estado de atenção para alagamentos pelo CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), da prefeitura.

A região do Ipiranga ficou em alerta das 17h10 às 17h30, devido ao transbordamento do córrego Ipiranga em dois pontos: na altura da avenida Ricardo Jafet com a rua Coronel Diogo, e na avenida Abraão de Moraes entre as avenidas Fagundes Filho e Bosque da Saúde.
Na estação localizada próxima ao córrego, a chuva acumulada era de 75,2 mm --cada milímetro equivale a um litro de água por metro quadrado.

Segundo o CGE, a chuva é forte nos bairros de Pinheiros, Vila Mariana, Santo Amaro e Jabaquara. No resto da cidade, a chuva perdeu força, e a intensidade é moderada.
De acordo com relatos enviados ao CGE, houve queda de granizo em Guaianases às 16h, e em São Mateus, às 14h40.

Na Grande São Paulo, a chuva atinge Guarulhos, Barueri, Jandira, Osasco, Mairiporã e Itaquaquecetuba. Às 16h, o aeroporto de Guraulhos registrou rajadas de vento de 54 km/h.
De acordo com a previsão do CGE, as chuvas devem continuar na região metropolitana nas próximas horas devido ao calor e a alta umidade associados com a aproximação de uma frente fria.

Diego Padgurschi/Folhapress
Carros submersos na rua Dr. Frederico Steidel, no centro de SP; cidade tem mais de 40 pontos de alagamento
Carros submersos na rua Dr. Frederico Steidel, no centro de SP; cidade tem diversos pontos de alagamento

ALAGAMENTOS
Pelos registros da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), a chuva provocava 65 pontos de alagamentos sobre vias da cidade por volta das 18h. Destes, 41 provocavam a interdição de ao menos uma faixa, impedindo a passagem de veículos.

Entre outros pontos, os alagamentos intransitáveis estavam localizados na:
- av. Pedro Álvares Cabral, altura da praça Ibrahim Nobre, sentido Pinheiros
- av. Rangel Pestana, altura da rua Hipódromo, nos dois sentidos
- av. Eusebio Matoso, altura da av. Faria Lima, sentido centro
- av. do Estado, altura da rua São Caetano, sentido Ipiranga

A CET informou que, com a cidade em estado de atenção, aumenta o efetivo nas ruas para monitorar locais com maior possibilidade de alagamentos. A companhia fixou 61 pontos de observação, onde normalmente ocorrem alagamentos, além das bacias dos rios Tietê, Pinheiros, Tamanduateí e dos córregos Pirajussara, Aricanduva e Ipiranga e do túnel Anhangabaú. Esses locais podem ser bloqueados caso seja necessário.
Na avenida Doutor Salomão Vasconcelos, zona leste, uma árvore caiu sobre casas. Os bombeiros foram acionados por volta das 15h30. De acordo com a corporação, não houve vítimas.

Alexia Araujo/Leitora
Chuva provoca mais de 40 pontos de alagamento na cidade; na foto, rua Tapinás, no Itaim Bibi
Chuva provoca diversos pontos de alagamento na cidade; na foto, rua Tapinás, no Itaim Bibi


ILHADOS
De acordo com o Corpo de Bombeiros, a corporação já registrou 98 ocorrências por conta das chuvas na cidade. Diversos chamados foram de pessoas ilhadas em alagamentos.
Na avenida Francisco Matarazzo, na altura do shopping Bourbon, foram resgatadas pessoas ilhadas, mas os bombeiros não souberam informar quantas. De acordo com o shopping, a rua está alagada, mas a água não chega a invadir o centro comercial.

Uma lotação ficou ilhada na avenida Doutor Assis Ribeiro, altura do número 2.000, em Cangaíba, zona leste de São Paulo. A van levava 15 pessoas, de acordo com os bombeiros.
Ao menos sete delas foram resgatadas. Os outros permanecem no local, onde a água atinge 30 centímetros. Três carros dos bombeiros foram para o local.
No mesmo bairro da zona leste, uma árvore caiu sobre casas na tarde desta quarta-feira. Não houve vítimas e o Corpo de Bombeiros não soube informar quantos imóveis foram atingidos.

RAIOS
Um raio atingiu a rede de fornecimento de energia elétrica aos trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) na linha 12-Safira, entre as estações Engenheiro Goulart e Tatuapé.

Por este motivo, a circulação de trens na linha está sendo realizada entre as estações Brás e Tatuapé e entre as estações Engenheiro Goulart e Calmon Viana.
Para transportar os usuários no trecho afetado, a CPTM acionou a operação Paese, com transporte gratuito com ônibus.

Os usuários com destino às estações da linha 12-Safira após a estação Engenheiro Goulart podem utilizar a linha 11-Coral até Calmon Viana, ou ainda o metrô entre as estações Tatuapé e Corinthians-Itaquera. FOLHA S. PAULO - COTIDIANO

BLOG SOS RIOS DO BRASIL
ÁGUA - QUEM PENSA, CUIDA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo e deixe aqui seus comentários, idéias, sugestões, propostas e notícias de ações em defesa dos rios, que vc tomou conhecimento.
Seu comentário é muito importante para nosso trabalho!
Querendo uma resposta pessoal, deixe seu e-mail.

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Portanto, não serão publicados comentários que firam a lei e a ética.

Por ser muito antigo, o quadro de comentários do blog ainda apresenta a opção comentar anônimo; mas, com a mudança na legislação,

....... NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS....

COMENTÁRIOS ANÔNIMOS, geralmente de incompetentes e covardes, que só querem destruir o trabalho em benefício das comunidades FICAM PROIBIDOS NESTE BLOG.
No "COMENTAR COMO" clique no Nome/URL e coloque seu nome e cidade de origem. Obrigado
AJUDE A SALVAR OS NOSSOS RIOS E MARES!!!

E-mail: sosriosdobrasil@yahoo.com.br