Se você e sua comunidade desejam resolver o problema de poluição e contaminação das águas de sua bacia hidrográfica, basta procurar o MINISTÉRIO PÚBLICO de sua Comarca e solicitar providências, através de uma "AÇÃO CIVIL PÚBLICA", contra os poluidores. Não tem custo algum e suas gerações futuras vão agradecer muito!

DIA DA TERRA 2014

DIA DA TERRA 2014
O que fizermos para o nosso PLANETA TERRA será sentido e colhido pelos nossos filhos, netos e bisnetos nas próximas décadas. Poderão ser ações destruidoras ou benéficas...lembrem-se que nossas ações serão cobradas ou valorizadas por nossas gerações futuras! <\b>

Seguidores do Blog SOS Rios do Brasil

2 de fevereiro de 2011

DENGUE SE ALASTRA E LONDRINA (PR) DECRETA ESTADO DE EMERGÊNCIA





Londrina/PR decreta estado de emergência por causa da dengue



A partir desta terça-feira (1º) os agentes de controle de endemias de Londrina terão respaldo legal para entrarem em qualquer imóvel onde seja identificado um foco do mosquito da dengue, mesmo que o proprietário não autorize. O ingresso forçado é apenas uma das medidas decorrentes do anúncio do prefeito Barbosa Neto, que decretou, no final da tarde desta segunda (31), estado de emergência na saúde.
O procurador do município, Fidélis Canguçu, explicou que quem não permitir a entrada dos agentes estará cometendo um crime. “Os agentes terão garantias de livre acesso. Quem não colaborar estará incorrendo no crime de desobediência, e colocando em risco a saúde pública”. Entre as outras ações a serem tomadas pela prefeitura estão a convocação dos servidores que estão cedidos ou deslocados em outros órgãos e a solicitação de reforço financeiro e de pessoal, tanto do estado como da união.
“O objetivo é salvaguardar a população e impedir que a dengue se alastre. O governo reconhece que estamos passando por uma situação excepcional, onde há um claro risco na saúde pública e uma grande possibilidade de epidemia”, alerta o procurador, dizendo que “o risco é real”. “As campanhas parecem não ser suficientes. O investimento constante na prevenção da dengue não está surtindo efeito. É preciso, então, tomar atitudes mais concretas”.
Para a diretora da 17ª Regional de Saúde, Djamedes Maria Garrido, a situação crítica não é novidade. “Faz tempo que nós estamos comunicando o município sobre os índices de infestação. A situação está realmente crítica, quase insustentável, e até agora o município não tinha tomado uma atitude forte para combater a doença”. A região que precisa de maior atenção, segundo Djamedes, é a zona leste de Londrina. “Lá estão os maiores índices de infestação, lá estão os maiores índices de positividade, que é quando um caso notificado é confirmado. Essa região precisa de um cuidado urgente”.
A secretária municipal de Saúde, Ana Olympia Dornellas, foi procurada pela reportagem do JL para explicar quais serão as ações a serem tomadas pelo município, mas não foi encontrada.
Números da dengue – Nesta segunda (31) a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) divulgou um boletim com os números parciais da infestação da doença no Paraná. A região de Londrina continua liderando os números de casos notificados. Até o último dia 28, foram notificados 1.164 casos de dengue somente na cidade de Londrina. Foram confirmados 142 casos autóctones, de pessoas que contraíram a dengue na cidade, e 2 casos de pessoas que chegaram à cidade já com a doença. Se forem somados os dados dos outros 20 municípios que compõem a regional, o número de notificações sobe para 1.848. Jacarezinho contabiliza o maior número de casos confirmados da doença no estado. Ao todo, 197 pessoas contraíram a dengue no município. Em todo o Paraná já foram notificados 3.484 casos suspeitos de dengue. Já são 390 pessoas infectadas pela doença no estado.
Novo anúncio – A sala de situação, criada pela SESA para monitorar os casos de dengue no estado vai atualizar os dados da infestação da doença no Paraná na próxima terça-feira (1º). Os dados informados no boletim desta segunda (31) estavam atualizados até o dia 28. A tendência é que o número de casos notificados e confirmados aumente. (Fonte: Gazeta do Povo/PR)/AMBIENTE BRASIL
BLOG SOS RIOS DO BRASIL
ÁGUA - QUEM PENSA, CUIDA!

Um comentário:

  1. Evitar a proliferação da dengue depende de cada um de nós. Além de cuidar da sua casa, falar com seus vizinhos, manter contato com sua prefeitura sobre focos da doença, você pode utilizar esse espaço para conscientização.
    Seja parceiro do Ministério da Saúde na mobilização contra o mosquito da Dengue. Divulgue em seu blog nosso material. Entre em contato com comunicacao@saude.gov.br e solicite o selo, participe da campanha.
    Saiba mais: http://bit.ly/bMMVKT

    ResponderExcluir

Seja bem vindo e deixe aqui seus comentários, idéias, sugestões, propostas e notícias de ações em defesa dos rios, que vc tomou conhecimento.
Seu comentário é muito importante para nosso trabalho!
Querendo uma resposta pessoal, deixe seu e-mail.

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Portanto, não serão publicados comentários que firam a lei e a ética.

Por ser muito antigo, o quadro de comentários do blog ainda apresenta a opção comentar anônimo; mas, com a mudança na legislação,

....... NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS....

COMENTÁRIOS ANÔNIMOS, geralmente de incompetentes e covardes, que só querem destruir o trabalho em benefício das comunidades FICAM PROIBIDOS NESTE BLOG.
No "COMENTAR COMO" clique no Nome/URL e coloque seu nome e cidade de origem. Obrigado
AJUDE A SALVAR OS NOSSOS RIOS E MARES!!!

E-mail: sosriosdobrasil@yahoo.com.br