Se você e sua comunidade desejam resolver o problema de poluição e contaminação das águas de sua bacia hidrográfica, basta procurar o MINISTÉRIO PÚBLICO de sua Comarca e solicitar providências, através de uma "AÇÃO CIVIL PÚBLICA", contra os poluidores. Não tem custo algum e suas gerações futuras vão agradecer muito!

VISITE SALVEMOS SAO CONRADO

VISITE SALVEMOS SAO CONRADO
VISITE, CONHEÇA E DIVULGUE A PÁGINA "SALVEMOS SÃO CONRADO", UM MODELO DE ATIVIDADE COMUNITÁRIA EM DEFESA DE SEUS RECURSOS NATURAIS, EM ESPECIAL DE SUA PRAIA E SUAS ÁGUAS - Clique no Banner - (Civilidade é o respeito pelas normas de convívio entre os membros duma sociedade organizada.)

Seguidores do Blog SOS Rios do Brasil

29 de outubro de 2009

ÁGUA DO LAGO PARANOÁ (DF) PODERÁ SER USADA PARA CONSUMO


Lago Paranoá - Brasília (DF) é usado para lazer (foto Taguro Izuno)


Paranoá: água para beber?


Chico Leite*
Jornal de Brasília

A discussão sobre a proposta de captação de água do Lago Paranoá para consumo é importante, sobretudo, para que tenhamos consciência dos reflexos da ocupação urbana desordenada e da expansão da mancha urbana promovida pelo PDOT, recentemente aprovado.

No DF, muitos núcleos urbanos surgiram do nada, sob a batuta de interesses escusos que exploraram o legítimo anseio por moradia sem que houvesse preocupação com a ordem
urbanística ou com a viabilidade ambiental. Onde imperou a lógica do lucro fácil patrocinada por grileiros, emergiram impactos ambientais e sociais, como violência, completa ausência de serviços públicos, crimes ambientais e... problemas de abastecimento de água.

Somado a isso, o PDOT/2009 contém uma proposta de expansão urbana de grande impacto: trata-se da transformação de extensas porções de terras rurais no limite sudeste do Distrito Federal em zonas urbanas. Essa incorporação de terras rurais à mancha urbana pode colocar em risco nosso finito estoque de terras públicas e nossos recursos naturais, tão importantes para preservação de nascentes e recarga do lençol freático.


Barco Happy Day, para passeios e festas, no Lago Paranoá (DF)

Nesse contexto, o Lago Paranoá se torna uma vítima da expansão urbana desordenada e sofre os reflexos de parcelamentos irregulares de terras ao longo de sua bacia. Natural, portanto, que a sociedade se questione sobre a qualidade dessa água, se é apropriada para o consumo e se temos, a longo prazo, garantia de abastecimento de água para toda a população. Além disso, a sociedade merece explicações sobre os investimentos em Corumbá-IV, que quase levaram a CEB à bancarrota.

Importante ressaltar que a ideia da represa de Corumbá-IV foi vendida para a sociedade do Distrito Federal como a solução dos problemas de abastecimento de água potável para os próximos cem anos. A propostade captação de água no Paranoá sinaliza que não é bem assim. Foram milhões em investimentos da CEB para financiar o empreendimento, recursos que deixaram de seraplicados no sistema de distribuição de energia no DF, o que, possivelmente, evitariam os apagões que temos sofrido nos últimos tempos.

Portanto, antes de qualquer decisão acerca da captação das águas do Lago Paranoá para consumo, é preciso que o governo preste contas dos recursos aplicados na captação de água em Corumbá-IV. Além disso, o governo precisa promover uma eficiente proteção dos tributários do Lago Paranoá, responsáveis pelo lançamento de lixo, fertilizantes e esgoto em seu leito, monitorar e recuperar áreas degradadas em suas margens.

Afinal, se dispúnhamos de água para os próximos cem anos, como aceitar a necessidade de retirar água do Lago Paranoá para colocá-la nas torneiras da população do Distrito Federal?

Fonte: ANA/Jornal de Brasilia - Chico Leite* - Procurador de Justiça licenciado, professor de Direito Penal e deputado distrital pelo PT

INSTITUTO SOS RIOS DO BRASIL
Divulgando, Promovendo e Valorizando
quem defende as águas brasileiras!
ÁGUA - QUEM USA, CUIDA!

2 comentários:

  1. pode jogar sardinha no Lago Paranoá, porque no México UM CIENTISTA norte americano colocou sardinhas em um lago (dez vezes menor com historico parecido com o nosso Lago) , e as sardinhas sobreviveram e se mutiplicaram. Ai veio um empresario comprou o local e tirou as sardinhas. Parece que antes foi jogado água do mar com aqueles microorganosmos que as sardinhas se alimentam, alguns litros.Parece que se colocar apenas as sardinhas eles sobrevivem.

    ResponderExcluir
  2. Melhor ficar calado do que dizer asneiras...

    ResponderExcluir

Seja bem vindo e deixe aqui seus comentários, idéias, sugestões, propostas e notícias de ações em defesa dos rios, que vc tomou conhecimento.
Seu comentário é muito importante para nosso trabalho!
Querendo uma resposta pessoal, deixe seu e-mail.

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Portanto, não serão publicados comentários que firam a lei e a ética.

Por ser muito antigo, o quadro de comentários do blog ainda apresenta a opção comentar anônimo; mas, com a mudança na legislação,

....... NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS....

COMENTÁRIOS ANÔNIMOS, geralmente de incompetentes e covardes, que só querem destruir o trabalho em benefício das comunidades FICAM PROIBIDOS NESTE BLOG.
No "COMENTAR COMO" clique no Nome/URL e coloque seu nome e cidade de origem. Obrigado
AJUDE A SALVAR OS NOSSOS RIOS E MARES!!!

E-mail: sosriosdobrasil@yahoo.com.br