Se você e sua comunidade desejam resolver o problema de poluição e contaminação das águas de sua bacia hidrográfica, basta procurar o MINISTÉRIO PÚBLICO de sua Comarca e solicitar providências, através de uma "AÇÃO CIVIL PÚBLICA", contra os poluidores. Não tem custo algum e suas gerações futuras vão agradecer muito!

VISITE SALVEMOS SAO CONRADO

VISITE SALVEMOS SAO CONRADO
VISITE, CONHEÇA E DIVULGUE A PÁGINA "SALVEMOS SÃO CONRADO", UM MODELO DE ATIVIDADE COMUNITÁRIA EM DEFESA DE SEUS RECURSOS NATURAIS, EM ESPECIAL DE SUA PRAIA E SUAS ÁGUAS - Clique no Banner - (Civilidade é o respeito pelas normas de convívio entre os membros duma sociedade organizada.)

Seguidores do Blog SOS Rios do Brasil

12 de abril de 2010

PLANOS DIRETORES DAS CIDADES DEVERÃO PRIORIZAR ECONOMIA DE RECURSOS HÍDRICOS E TRATAMENTO DE RESÍDUOS


sistema de captação, armazenamento e reciclagem da água das chuvas
serão estimulados nos planos diretores

PLANO DIRETOR: POR AÇÕES SUSTENTÁVEIS

"O primeiro desses conjuntos prevê estímulos para que as edificações públicas ou privadas possuam sistemas de captação, armazenamento e reciclagem da água das chuvas."

Por Valéria Castanho, da Agência Senado – Proposta que está na pauta da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) nesta quarta-feira (14) propõe que os planos diretores das cidades deverão dar prioridade a medidas que promovam economia de recursos naturais e adequado tratamento de resíduos.

Pelo projeto (PLS 183/08), de autoria do senador Pedro Simon (PMDB-RS), os planos diretores deverão dar prioridade a três conjuntos de ações. O primeiro desses conjuntos prevê estímulos para que as edificações públicas ou privadas possuam sistemas de captação, armazenamento e reciclagem da água das chuvas.

Também deverão ser priorizadas ações e diretrizes que promovam política integrada de coleta e tratamento de resíduos sólidos e do sistema sanitário. O terceiro grupo de ações prioritárias prevê a oferta de incentivos ao consumo equilibrado e à adoção de processos ambientalmente adequados, como, por exemplo, o uso de energia solar em residências.

Usucapião – Também está na pauta da CCJ matéria que inclui o Ministério Público entre as partes que têm legitimidade para propor ação de usucapião especial de imóvel urbano, em benefício da população de baixa renda.

O usucapião especial de imóvel urbano diz respeito a áreas urbanas com mais de 250 metros quadrados, ocupadas por população de baixa renda para sua moradia, por cinco anos, ininterruptamente e sem oposição, onde não for possível identificar os terrenos ocupados por cada possuidor, e desde que os possuidores não sejam proprietários de outro imóvel urbano ou rural.

Pelo atual Estatuto da Cidade (Lei 10.257/01), são três as partes legítimas para propor ação de usucapião especial urbano: o possuidor, “isoladamente ou em litisconsórcio originário ou superveniente”; os possuidores, “em estado de composse”; e a associação de moradores, “regularmente constituída, com personalidade jurídica, desde que explicitamente autorizada pelos representantes”.

Improbidade Administrativa – Proposta que estabelece prazo prescricional único de dez anos para o caso do crime de improbidade administrativa praticado por agente público também poderá ser votada na CCJ na reunião de quarta-feira.

O substitutivo do senador Alvaro Dias (PSDB-PR) ao PLS 537/03, de autoria do senador Demóstenes Torres (DEM-GO), altera a Lei 8.429/92, que dispõe sobre as sanções aplicáveis aos agentes públicos nos casos de enriquecimento ilícito no exercício do mandato, cargo, emprego ou função na administração pública direta, indireta ou fundacional.

A lei em vigor prevê que as ações contra esse tipo de crime podem ser propostas até cinco anos após o término do exercício do mandato, de cargo em comissão ou de função de confiança.

Criado em 12 abril 2010



INSTITUTO SOS RIOS DO BRASIL
Divulgando, Promovendo e Valorizando
quem defende as águas do Brasil!
ÁGUA - QUEM USA, CUIDA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo e deixe aqui seus comentários, idéias, sugestões, propostas e notícias de ações em defesa dos rios, que vc tomou conhecimento.
Seu comentário é muito importante para nosso trabalho!
Querendo uma resposta pessoal, deixe seu e-mail.

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Portanto, não serão publicados comentários que firam a lei e a ética.

Por ser muito antigo, o quadro de comentários do blog ainda apresenta a opção comentar anônimo; mas, com a mudança na legislação,

....... NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS....

COMENTÁRIOS ANÔNIMOS, geralmente de incompetentes e covardes, que só querem destruir o trabalho em benefício das comunidades FICAM PROIBIDOS NESTE BLOG.
No "COMENTAR COMO" clique no Nome/URL e coloque seu nome e cidade de origem. Obrigado
AJUDE A SALVAR OS NOSSOS RIOS E MARES!!!

E-mail: sosriosdobrasil@yahoo.com.br