Se você e sua comunidade desejam resolver o problema de poluição e contaminação das águas de sua bacia hidrográfica, basta procurar o MINISTÉRIO PÚBLICO de sua Comarca e solicitar providências, através de uma "AÇÃO CIVIL PÚBLICA", contra os poluidores. Não tem custo algum e suas gerações futuras vão agradecer muito!

DIA DA TERRA 2014

DIA DA TERRA 2014
O que fizermos para o nosso PLANETA TERRA será sentido e colhido pelos nossos filhos, netos e bisnetos nas próximas décadas. Poderão ser ações destruidoras ou benéficas...lembrem-se que nossas ações serão cobradas ou valorizadas por nossas gerações futuras! <\b>

Seguidores do Blog SOS Rios do Brasil

20 de setembro de 2010

BARRAGINHAS NO CONTROLE DA EROSÃO LAMINAR DOS SOLOS


barriginha sendo contruída na Embrapa Meio Ambiente - 
(crédito da foto: Luiz Guilherme Wadt)

Controle e aproveitamento de águas de enxurradas com Barraginhas são demonstrados na Embrapa Meio Ambiente 
 20.9.2010
    
As bacias de contenção de água, ou barraginhas, vem sendo usadas com sucesso no controle da erosão laminar dos solos, interrompendo o escorrimento superficial da água e provocando sua infiltração no solo.

De simples construção e baixo custo, é uma tecnologia acessível à agricultura familiar podendo contribuir de forma significativa para a sua sustentabilidade. O pesquisador Luciano Cordoval, da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas, MG), esteve no dia de campo na Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna, SP), em 17 de setembro de 2010, para mostrar, de forma prática, sua construção.

“A idéia foi difundir o uso da barraginha como elemento de conservação dos solos e água nas pequenas propriedades rurais e demonstrar a técnica empregada em sua construção”, explica Marcos Neves, pesquisador da Embrapa Meio Ambiente e um dos coordenadores do dia de campo.

Conforme Cordoval, “geralmente gasta-se normalmente uma hora de máquina para construir uma barraginha, tanto em solos soltos como em solos sob vegetação de Cerrado. Quando os solos são mais firmes, pode chegar a 2 horas. Em média, o custo de uma máquina é de 100 reais a hora”.

“As barraginhas podem ser feitas nos solos de porosidade alta e média, quecorrespondem a 80% dos solos brasileiro. Nos porosos, leves, pode-se fazer barraginhas menores, como as montadas em Jaguariúna, com15m de diâmetro, que armazenarão 100.000 litros numa boa frente de chuvas e infiltrará rapidamente em até 10 dias. Se o solo tem porosidade média, levará o dobro do tempo para infiltrar, ai é necessário uma compensação, então são feitas barraginhas de 20m de diâmetro, que armazenarão 300.000 litros na mesma frente de chuvas e levarão mais tempo para descarregar.

O que fizemos foi compensar e adequar o sistema ao solo de infiltração mediana. Se optássemos pelas pequenas, seriam necessitarias 3 para essa mesma capacidade”, explica o pesquisador.

Na prática, sua importância é muito grande, pois ameniza estiagens, propicia plantios de lavouras, hortas, pomares, canaviais e abertura de cacimbas, que possibilitam a produção de alimentos, o consumo humano e animal, além de geração de excedentes comercializáveis.

“As barraginhas colhem água das chuvas no momento de abundância para ser utilizada na época da seca”. Se fosse definir o sistema em uma frase, diz Cordoval, seria essa: "a água da chuva que cai em nossa propriedade é nossa, segure-a" (frase australiana).

Cristina Tordin Jornalista,
MTB 28499 Embrapa Meio Ambiente 19.3311.2608

SAIBA MAIS SOBRE AS BARRAGINHAS
NOSSO BLOG POSTOU EM DEZEMBRO/2008, UMA SOLUÇÃO DA EMBRAPA
PARA O PROBLEMA DE SECA NO SEMI-ÁRIDO

Trata-se do Projeto do
ENG. Luciano Cordoval, da EMBRAPA, idealizador e criador do Projeto Barraginhas que em 10 anos já orientou a construção de 80 mil barraginhas (míni-açudes) de baixo custo.

VEJA:

5 de Dezembro de 2008

PROJETO BARRAGINHAS DA EMBRAPA - Solução da falta de água no campo


BLOG SOS RIOS DO BRASIL
Divulgando, Promovendo e Valorizando
quem defende as águas do Brasil!
ÁGUA - QUEM PENSA, CUIDA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo e deixe aqui seus comentários, idéias, sugestões, propostas e notícias de ações em defesa dos rios, que vc tomou conhecimento.
Seu comentário é muito importante para nosso trabalho!
Querendo uma resposta pessoal, deixe seu e-mail.

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Portanto, não serão publicados comentários que firam a lei e a ética.

Por ser muito antigo, o quadro de comentários do blog ainda apresenta a opção comentar anônimo; mas, com a mudança na legislação,

....... NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS....

COMENTÁRIOS ANÔNIMOS, geralmente de incompetentes e covardes, que só querem destruir o trabalho em benefício das comunidades FICAM PROIBIDOS NESTE BLOG.
No "COMENTAR COMO" clique no Nome/URL e coloque seu nome e cidade de origem. Obrigado
AJUDE A SALVAR OS NOSSOS RIOS E MARES!!!

E-mail: sosriosdobrasil@yahoo.com.br